Saúde realiza capacitação sobre vigilância e manejo clínico das arboviroses

33

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) realizou, nesta segunda-feira (25), uma capacitação sobre Vigilância e Manejo Clínico das Arboviroses. O treinamento ocorreu no auditório da Uninassau, no Farol, sendo conduzido pela Coordenação de Vigilância das Doenças e Agravos Transmissíveis e Não Transmissíveis (CVDATNT) da Diretoria de Vigilância em Saúde (DVS).

A técnica da Coordenação de Vigilância das Doenças e Agravos Transmissíveis e Não Transmissíveis da SMS, Cynthia Rocha, enfatizou a importância da Vigilância Epidemiológica das Arboviroses.

“Essas atualizações são extremamente importantes, pois sensibilizam os profissionais para os agravos. Além disso, permitem alinhar o fluxo de atendimento, fortalecer a solicitação de exames e notificações, pois o número destas notificações podem não estar refletindo a realidade do que está ocorrendo. A capacitação foi direcionada a enfermeiros, médicos e demais profissionais de saúde das unidades, incluindo diretores, coordenadores de epidemiologia, agentes de saúde e técnicos de enfermagem”, afirmou Cynthia Rocha.

A médica infectologista da Coordenação de Vigilância das Doenças e Agravos Transmissíveis da SMS, Mardjane Lemos, também participou da capacitação, abordando o Manejo Clínico das Arboviroses e alertando os profissionais de saúde.

“A capacitação é fundamental para que todos estejam alinhados a um protocolo único recomendado pelo Ministério da Saúde, que muda, e é atualizado constantemente. A última atualização foi em janeiro deste ano. Esse momento também é necessário para que os profissionais se sensibilizem para detectar casos novos de dengue. Então, pedimos que todos os profissionais se mantenham atentos ao paciente e que avalie com bastante atenção quem chega com febre, cefaleia, dor no corpo, pois este pode ser um quadro de dengue”, alerta a médica infectologista. 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui