Trade avalia que requalificação do Porto de Maceió potencializa turismo na capital

78

A requalificação da orla do Porto de Maceió, em Jaraguá, anunciada recentemente pelo prefeito JHC, está sendo avaliada pelo trade como potencializadora do turismo da capital alagoana. Um trecho que margeia o mar, com extensão de 1,5 km, vai receber ciclovia, decks para contemplação e prática de pesca esportiva, pista de passeio e de cooper, além de academia ao ar livre e um espaço interativo.

Ao todo, são mais de 24 mil metros quadrados que contarão com vegetação, jardinagem, guarda-corpos, playground em madeira, mobiliário, bancos, mirantes, iluminação em LED no período noturno, equipamentos instagramáveis, com a proposta de garantir mais conforto e ambiente agradável a maceioenses e turistas. O anúncio da nova estrutura deixou os operadores do turismo entusiasmados.

Para o presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hoteis em Alagoas (ABIH-AL), Gabriel Cedrim, a expansão da orla não só adicionará mais pontos de contemplação da beleza natural da paisagem costeira, mas também aumentará, significativamente, o apelo turístico daquela região.

“Com mais espaço para atividades recreativas e novas opções de lazer, esperamos atrair um maior número de visitantes, o que certamente impulsionará nossa indústria hoteleira. Será também um grande passo para os bairros circunvizinhos, visto que tal obra tem potencial de gerar valorização imobiliária da região”, analisa.

Equipamentos irão garantir vitalidade, interação social, acolhimento, lazer e valorização local. Foto: Reprodução
Equipamentos irão garantir vitalidade, interação social, acolhimento, lazer e valorização local. Foto: Reprodução

Gabriel Cedrim adianta que o trade está ansioso para colaborar com o município de Maceió e outros setores envolvidos para garantir que a obra seja concluída com sucesso, proporcionando benefícios duradouros para a cidade e quem a visita.

Já o presidente do Maceió Convention & Visitors Bureau, Milton Vasconcelos, considera a obra no Porto de extrema importância para a capital e, principalmente para o turismo. E cita que o crescimento da hotelaria na região da Pajuçara tem motivado o poder público a fazer novos investimentos em Jaraguá, atraindo olhares a esta localidade histórica.

“Além de proporcionar uma integração dessas duas regiões, traz também, para o maceioense, um novo local de contemplação e lazer. Acreditamos que essa nova proposta , integrada ao projeto de urbanização da orla que foi proposto, requalificará o destino Maceió”, observa.

Segundo Milton Vasconcelos, com a crescente oferta de leitos na capital, a diversificação da oferta de atrativos e descentralização das atividades possibilitará uma oportunidade de assegurar maior permanência dos turistas na cidade.

Os serviços na área do Porto de Maceió prometem uma transformação no local, que atualmente é subutilizado. Os equipamentos vão garantir vitalidade, interação social, acolhimento, lazer e valorização local, desde o final da orla da Pajuçara, margeando a região portuária, interligando a região ao bairro de Jaraguá.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui